quarta-feira, 3 de Janeiro de 2018

Compartilhe

Após 17 semanas, a temporada regular da NFL chegou ao fim. Além da definição das últimas equipes que continuam na disputa pelo Super Bowl, a rodada final nos proporcionou alguns momentos especiais. Sendo assim, como fazemos todas as quartas feiras, separamos e comentamos as melhores jogadas da rodada. É hora de conferir o TOP 5 da semana 17 da NFL.

LEIA MAIS: TOP 5 – Melhores jogadas da semana 16

5) Alvin Kamara com um retorno de 106 jardas para TD

Personagem recorrente em nosso TOP 5, Alvin Kamara vem tendo uma temporada de calouro simplesmente fantástica. Na disputa com Kareem Hunt pelo prêmio de calouro ofensivo do ano, Kamara demonstra uma incrível versatilidade em seu jogo. Com TDs correndo, recebendo passes e, em lances como o destacado acima, retornando chutes, o RB do Saints foi uma das melhores armas ofensivas da temporada. Alguns números de Alvin merecem um destaque especial. Em 16 jogos, Kamara conseguiu 728 jardas pelo solo, 826 jardas através de recepções e um total de 13 TDs. Além disto, o calouro ainda soma 347 jardas retornando chutes incluindo o retorno de 106 jardas que é destaque acima. Entretanto, nada é mais impressionante do que a média de jardas por tentativa (6,1), um número absolutamente espetacular. No lance destacado, podemos reparar muitas das qualidades que o jogador do Saints demonstrou durante toda a temporada. Dois detalhes são bem interessantes na jogada: o primeiro é que Kamara quase desiste do lance, e por pouco não ajoelha na end zone. Repare que o RB chega a hesitar, mas logo percebe a oportunidade e inicia o retorno. O segundo detalhe são os dois bloqueios perfeitos que o RB recebe de Taysom Hill (7) – um QB que ajuda bastante nos times especiais; algo bem raro – na linha de 15 jardas que permitem o avanço. Nesta jogada foram 106 jardas até o TD.

Leia textos exclusivos a cada semana sobre todos os times da NFL. Seja um assinante L32

4) Derrick Henry “levando” o Titans aos Playoffs

Selecionado na 2ª rodada do draft 2016, Henry vem dividindo o backfield com o veterano DeMarco Murray desde então. Entretanto, nesta temporada, apesar de ainda receber uma quantidade menor de snaps, Henry parece cada vez mais preparado para assumir o posto de RB principal da equipe. Nesta temporada, o segundo anista já supera o número de jardas de Murray por boa margem. A jogada acima, além de bela, foi vital para a vitória e consequente classificação do Titans para a pós-temporada após o confronto equilibrado sobre o Jaguars que terminou com uma vantagem de apenas 5 pontos. Neste confronto decisivo, Henry conseguiu 117 jardas de scrimmage e um TD sendo peça fundamental na classificação da equipe de Tennessee. No vídeo, podemos observar que Henry está alinhado um pouco atrás do QB Marcus Mariota que faz o play action com o próprio RB. A jogada é interessante pois o passe é exatamente para o RB que simulava a corrida. Após a recepção, Henry recebe alguns bloqueios muito importantes. O destaque vai para o C Ben Jones (60), e o OG Quinton Spain (67), que se deslocam e avançam abrindo caminho para Henry que foge dos tackles e dispara 66 jardas para o TD.

3) Tyler Boyd fazendo a alegria dos torcedores de Bengals e Bills

Também escolhido na 2ª rodada do draft 2016, Tyler Boyd vem tendo uma carreira bem discreta na NFL até o momento. Estrela da Universidade de Pittsburgh, onde quebrou recordes de ninguém menos que Larry Fitzgerald, Boyd ainda procura se encontrar entre os profissionais. Em relação ao seu ano de calouro podemos afirmar, inclusive, que o jovem WR regrediu em seu desempenho individual. Terminando a temporada com apenas 225 jardas recebidas, Tyler era um nome dos mais improváveis para protagonizar esta jogada tão importante. O lance acima afetou diretamente 3 equipes nesta última rodada. O próprio Bengals que termina o ano de uma forma um pouco mais respeitável (o mesmo serve para Boyd), o Ravens que perdeu sua classificação neste momento, e o Bills que após muitos anos (falaremos mais na próxima jogada) retornou aos playoffs devido a este TD. Repare que estamos em uma 4ª para 12 jardas faltando pouco menos de 1 minuto para o final da partida. O Ravens só precisa parar esta descida para chegar aos playoffs, no entanto, o que acontece é inacreditável. Dalton consegue conectar um bom passe para Boyd que ainda escapa dos marcadores e entra na end zone. Um belo lance que valeu muito mais do que apenas uma vitória para o Bengals.

2) O DT Kyle Williams com um TD emblemático

Como dito acima, a vitória do Bengals teve implicações em outros dois times. E uma destas equipes é o Buffalo Bills. Vivendo a maior “seca” dos esportes americanos em relação à participação nos playoffs, o Bills finalmente retorna a pós-temporada depois de um longo hiato. Dono de uma torcida apaixonadíssima, o Bills precisava proporcionar um final de ano melhor aos seus fanáticos seguidores. O lance destacado acima nem é o mais bonito que poderíamos colocar aqui, porém, certamente, é o mais marcante da rodada por todo o cenário que mencionamos. Selecionado apenas na 5ª rodada do draft de 2006, Kyle Williams é um DT de cerca de 140 Kg que jogou toda a sua carreira em Buffalo. Aos 35 anos, e em sua 12ª temporada, o DT nunca tinha conseguido chegar aos playoffs. Este que poderia ser o último jogo da carreira do respeitado defensor, acabou sendo uma das mais marcantes de sua história. Na jogada destacada acima, podemos observar que Williams está alinhado no backfield e, após receber a bola, avança para a end zone para anotar um dos TDs mais importantes da história recente do Bills. Um prêmio merecido para um jogador que dedicou toda a sua carreira para a equipe. Normalmente em nossa coluna, editamos os vídeos e retiramos as comemorações para facilitar a visualização. Todavia, neste caso, optamos por deixar o momento que que Williams retorna a sideline e é festejado por uma imensidão de companheiros. Uma imagem que mostra o respeito e a admiração que o veterano tem em Buffalo.

1) Detroit Lions invertendo (brilhantemente) os papéis em seu ataque

Por mais que as jogadas acima tenham um peso além de sua plasticidade, esta coluna ainda é sobre a beleza dos lances. Sendo assim, o primeiro posto desta coluna é uma jogada sem qualquer implicação para a classificação aos playoffs, entretanto é uma jogada muito bonita. O Detroit Lions teve uma temporada decepcionante que culminou com mudanças significativas em sua direção. No entanto, ao menos estatisticamente, o desempenho do ataque da equipe – principalmente aéreo – foi bem interessante. Matt Stafford mais uma vez rompeu a barreira de 4000 jardas aéreas, e seus dois principais WRs ultrapassaram a marca de 1000 jardas recebidas. Um desses jogadores é Golden Tate, que protagoniza com Stafford, a jogada número 1 desta semana. Repare no início da jogada que o QB distrai a defesa passando instruções sem estar posicionado para receber o snap. Em meio a isto, o snap vem direto para o RB Ameer Abdullah que corre para a direita e entrega a bola para o WR Golden Tate que vinha na direção oposta confundindo totalmente a defesa do Packers. Na sequência, o passe é perfeito e encontra o próprio Stafford que se deslocara para o canto esquerda da end zone. Jogada belíssima e executada brilhantemente pelo ataque do Lions!

Estas foram as melhores jogadas da semana 17. Gostaram? Faltou algum lance? Comentem!


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

 

 

Compartilhe

Leave A Reply