Resumo dos Jogos – Semana 15

19 de dezembro de 2016
Tags: david telles, fernando mossmann, marcos filho, paulo henrique, Rafael Storone, resumo dos jogos,

4712739

Chicago Bears (3- 11) bears  27 x 30 GB Green Bay Packers (8-6), Soldier Field

Jogando em casa, o Chicago Bears, com apenas três vitórias na temporada, incomodou e muito o concorrente a uma vaga nos playoffs Green Bay Packers. Essa, que é uma das principais rivalidades da liga, teve mais um jogo decidido nos detalhes neste domingo. Concentrado praticamente só no jogo corrido, o Packers teve mais uma atuação abaixo da média de Aaron Rodgers. Apesar de não ter sido interceptado, o

QB dependeu muito dos seus RBs para fazer o time andar em campo e, somente no lance mais decisivo da partida, fez valer o título de um dos melhores jogadores de sua posição na liga, em um ótimo passe para Jordy Nelson, que colocou Mason Crosby em posição para o chute da vitória. Mais sorte do que juízo. Talvez essa seja a frase que defina o time de Green Bay em sua oitava vitória na temporada. Caso Matt Barkley, QB de Chicago, não tivesse lançado três interceptações, a história do jogo e da NFC North poderia ser bem diferente agora.

Melhores da Partida

Chicago Bears bears

RB Jordan Howard: 17 corridas para 90 jardas e 1 TD, 4 recepções para 23 jardas

WR Cameron Meredith: 9 recepções para 104 jardas

WR Alshon Jeffery: 6 recepções para 89 jardas e 1 TD

Green Bay Packers GB

WR Jordy Nelson: 7 recepções para 124 jardas

RB Ty Montgomery: 16 corridas para 162 jardas e 2 TDs

FS Ha Ha Clinton-Dix: 5 tackles e 2 passes desviados


Cincinnati Bengals logo bengals (5-8-1) 20 x 24 logo steelersPittsburgh Steelers  (9-5), Paul Brown Stadium

Um dos jogos mais importantes na decisão da conferência americana deste domingo foi recheado de emoções. Com o ataque “nadando, nadando e morrendo na praia”, a responsabilidade por marcar pontos para o Steelers caiu sobre o K Chris Boswell. O atleta teve seis tentativas de field goal neste domingo e não desperdiçou nenhuma delas, anotando 18 pontos para sua equipe, que ficou atrás no placar praticamente durante toda a partida. Pior do que esta não fica? Pro Bengals ficou. Ao ver sua liderança ameaçada o time entrou em colapso e cometeu uma série de faltas desnecessárias em sequência, incluindo uma falta pessoal de Pat Sims, o que auxiliou Big Ben Roethlisberger a comandar a campanha do TD da vitória faltando pouco mais de sete minutos no relógio. Após isso a equipe dona da casa não conseguiu reagir e a vitória ficou com os visitantes que podem garantir uma vaga nos playoffs e o título da divisão caso vença o Baltimore Ravens na próxima semana.

Melhores da Partida

Cincinnati Bengals logo bengals

WR Brandon LaFell: 7 recepções para 91 jardas

DE Carlos Dunlap: 7 tackles, 1 tackle para perda de jardas e 1 passe desviado

OLB Vontaze Burfict: 9 tackles e 1 passe desviado

Pittsburgh Steelers logo steelers

ILB Ryan Shazier: 5 tackles, 1 sack, 2 tackles para perda de jardas, 1 passe desviado e 2 hits no Quarterback

ILB Lawrence Timmons: 8 tackles, 1 passe desviado, 1 hit no Quarterback e 1 interceptação

RB Le’Veon Bell: 23 corridas para 93 jardas


Houston Texans (8-6) HOU  21 x 20 JAC Jacksonville Jaguars (2-12), NRG Stadium

Outro confronto decisivo nesse domingo era entre Houston Texans e Jacksonville Jaguars, válido pela liderança da AFC South. A equipe de Houston entrou na rodada liderando a divisão ao lado do Tennessee Titans e viu, por um bom tempo, tudo ficar embolado. Acontece que o Colts estavam ganhando fácil do Vikings, o Titans perdendo para o Chiefs, e o próprio Texans perdendo para o Jaguars, assim ficando todos com 7 vitórias e 7 derrotas. Ao entrar no quarto período a vantagem do Jaguars era de 9 pontos, porém o Texans foi bravo e buscou a vitória com pouco menos de três minutos restantes no relógio. Muito dessa vitória passa também pelas mãos do QB Tom Savage, isto porque ele substituiu Brock Osweiler enquanto o time era derrotado e liderou o ataque em busca dos pontos necessários para o triunfo. O titular teve 2 interceptações na partida e saiu de campo com um rating de 26.1 pontos.

Melhores da Partida

Houston Texans HOU

WR DeAndre Hopkins: 8 recepções para 87 jardas

ILB Bernadrick McKinney: 7 tackles, 1 sack, 1 tackle para perda de jardas e 2 hits no Quarterback

DE Jadeveon Clowney: 5 tackles, 1 sack, 3 tackles para perda de jardas, 1 passe desviado e 2 hits no Quarterback

Jacksonville Jaguars JAC

SS Johnathan Cyprien: 17 tackles

CB Jalen Ramsey: 4 tackles, 5 passes desviados e 1 interceptação

MLB Paul Posluszny: 11 tackles

______________________________________________________________________________________________________________________________________

Kansas City Chiefs (10-4)chiefs-logo   17 x 19 titans-logo Tennessee Titans (8-6), Arrowhead Stadium 

A lei do ex fez mais uma vítima: o K Ryan Succop, ex-jogador do Chiefs, converteu o FG da vitória do Titans sobre a franquia comandada por Alex Smith. Após abrir 14 a 0 no primeiro quarto com 2 TD de corrida, incluindo um de 68 jardas do WR Tyreek Hill, o ataque do Chiefs não produziu mais nada na partida, à exceção do FG de 34 jardas convertido por Cairo Santos ainda no primeiro tempo. No último período, com o placar marcando 17 a 7, o Titans acertou um FG de 39 jardas e marcou um TD após uma campanha de 88 jardas. Em seguida, ao invés de chutar o EP que deixaria o jogo empatado, a franquia de Nashville optou por uma conversão de 2 pontos, que não deu certo. Vencendo por 17 a 16, o Chiefs precisava apenas gastar o restante do cronômetro para liquidar a partida. Ocorre que a defesa do Titans apareceu e devolveu a posse de bola para Marcus Mariota com um pouco mais de 1 minuto de jogo sobrando, tempo suficiente para posicionar o K Ryan Succop para chutar um FG de 53 jardas. O Chiefs ainda tentou atrapalhar o chute com o tradicional tempo para congelar o kicker mas o tiro saiu pela culatra e Succop garantiu a vitória para a equipe visitante.

Melhores da Partida

Kansas City Chiefs chiefs-logo

QB Alex Smith: 15/28, 163 jardas, 1 TD corrido e 1 interceptação.

RB Spencer Ware: 18 corridas para 70 jardas.

WR Jeremy Maclin: 6 recepções para 82 jardas.

Tennessee Titans titans-logo

QB Marcus Mariota: 19/33, 241 jardas e 1 interceptação.

RB Derrick Henry: 9 corridas para 58 jardas e 2 TD.

WR Rishard Matthews: 4 recepções para 105 jardas.


Minnesota Vikings (7-7)vikings-logo   6 x 34 colts-logo Indianapolis Colts (7-7), U.S.Bank Stadium 

Nem a vantagem de jogar em casa e nem a volta do seu astro, o RB Adrian Peterson, foram capazes de garantir uma boa performance do Minnesota Vikings. Com apenas 2 FG marcados durante toda a partida, a franquia de Minneapolis tomou uma bordoada de 34 a 6 para o Indianapolis Colts. Com um primeiro tempo arrasador, os visitantes abriram 27 a 0, com 2 FG do K Adam Vinatieri, 2 TD do RB Robert Turbin e 1 TD numa conexão do QB Andrew Luck para o TE Erik Swoope. No segundo tempo, o Colts só precisou de mais um TD para liquidar qualquer tentativa de reação pelo time da casa. Sem lançar nenhum TD no jogo, Sam Bradford foi sacado 5 vezes e ainda sofreu um fumble na partida. Nem Adrian Peterson escapou da má atuação do time: o corredor teve apenas 22 jardas após 6 tentativas e também sofreu um fumble. Com a derrota, o Vikings cai para a terceira colocação na sua divisão, e o Colts segue na cola dos líderes Texans e Titans.

Melhores da Partida

Minnesota Vikings vikings-logo

QB Sam Bradford: 32/42, 291 jardas e 1 interceptação.

TE Kyle Rudolph: 8 recepções para 97 jardas.

RB Jerik Mckinnon: 9 recepções para 59 jardas.

Indianapolis Colts colts-logo

QB Andrew Luck: 21/28, 250 jardas e 2 TD.

RB Frank Gore: 26 corridas para 101 jardas.

RB Robert Turbin: 7 corridas para 32 jardas e 2 TD.


New York Giants (10-4)giants-logo   17 x 6 lions-logo Detroit Lions (9-5), MetLife Stadium 

Com mais uma atuação segura da defesa, o New York Giants conquistou a décima vitória na temporada, vencendo o Detroit Lions por 17 a 6 diante de sua torcida. Destaque para o QB Eli Manning que lançou para 2 TD e não sofreu nenhuma interceptação e para o WR Odell Beckham Jr que repetiu sua famosa recepção com apenas uma das mãos e marcou um TD após um passe de 4 jardas de Manning. O WR também esteve envolvido em um erro bizarro da arbitragem, que sinalizou passe completo um lançamento que Beckham deixou a bola bater no chão. Pelo Lions, o QB Matthew Stafford não conseguiu marcar pontos, que ficaram a cargo do K Matt Prater com 2 FG convertidos. Com o triunfo, o Giants segue vivo na briga pela Divisão Leste da Conferência Nacional, cuja liderança atualmente segue com o Dallas Cowboys. Já o Lions, ainda que a liderança da NFC Norte não tenha sido perdida, o calendário não é nada amigável para os dois últimos jogos, já que a franquia encara o Cowboys e o aspirante a campeão de divisão Green Bay Packers.

Melhores da Partida

New York Giants giants-logo

QB Eli Manning: 20/28, 201 jardas e 2 TD.

WR Odell Beckham Jr: 6 recepções para 64 jardas e 1 TD.

WR Sterling Shepard: 4 recepções para 56 jardas e 1 TD.

Detroit Lions lions-logo

QB Matthew Stafford: 24/39, 273 jardas e 1 interceptação.

WR Golden Tate: 8 recepções para 122 jardas.

TE Eric Ebron: 4 recepções para 36 jardas.


Arizona Cardinals (5-8-1) logo cardinals 41 x 48 logo saints New Orleans Saints (6-8), University of Phoenix Stadium

Num verdadeiro tiroteio em Arizona, quem levou a melhor foi o New Orleans Saints. Mas quem largou na frente, no entanto, foi o Cardinals. O time da casa antotou o primeiro TD do jogo e inaugurou o placar em corrida de 49 jardas do RB Kerwynn Williams. Aos poucos New Orelans foi dominando a partida e foi para o intervalo com a vantagem de 24 x 20 no marcador. Na segunda etapa, Arizona conseguiu equilibrar as ações e deixou tudo igual ao fim do terceiro periodo. O Saints, porém, demonstrou uma grande força ofensiva no quarto derradeiro e anotou 3 TDs para definir a vitoria por 48 x 41. O confronto marcou a 21a vez que Drew Brees passou para 4 TDs em um mesmo jogo, igualando o recorde de Tom Brady. O QB do Saints também encerrou a seca de dois jogos sem passar para touchdown.

Melhores da partida

Arizona Cardinalslogo cardinals

QB Carson Palmer: 28/40, 318 jardas, 2 TDs.

RB David Johnson: 12 corridas, 53 jardas, 2 TDs, 4 recepções, 55 jardas.

DT Calais Campbell: 4 tackles, sendo 2 para perda de jardas, 2 QB hits, 2 sacks, 1 fumble recuperado para TD.

New Orleans Saintslogo saints

QB Drew Brees: 37/48, 389 jardas, 4 TDs.

WR Brandin Cooks: 7 recepções, 186 jardas, 2 TDs.

DE Cameron Jordan: 3 tackles, sendo 2  para perda de jardas, 1 QB hit, 1 sack.


Atlanta Falcons (9-5)logo falcons 41 x 13 logo 49ers San Francisco 49ers (1-13), Mercedes-Benz Stadium

Com uma grande atuacão do RB Devonta Freeman, o Atlanta Falcons arrasou o San Francisco 49ers. O primeiro quarto foi um verdadeiro atropelamento, com o Falcons anotando 3 TDs, enquanto o 49ers nada conseguiu produzir. A franquia californiana melhorou um pouco seu desempenho no segundo período ao chegar na endzone em duas oportunidades e o jogo foi para o intervalo com 28 x 13 a favor dos donos da casa. No restante do confronto o domínio de Atlanta se manteve e o time venceu por 41 x 13. Essa temporada marca a primeira desde 2012 que o Falcons consegue terminar com um saldo de mais vitórias do que derrotas.

Melhores da partida

Atlanta Falconslogo falcons

RB Devonta Freeman: 20 corridas, 139 jardas, 3 TDs, 2 recepções, 16 jardas.

QB Matt Ryan: 17/23, 286 jardas, 2 TDs.

S Keanu Neal: 11 tackles, 2 passes defendidos, 1 fumble recuperado

San Francisco 49erslogo 49ers

QB Colin Kaepernick: 20/33, 183 jardas, 2 TDs, 3 corridas, 21 jardas.

TE Garrett Celek: 2 recepções, 22 jardas, 1 TD.

S Antoine Bethea: 10 tackles, sendo um para perda de jardas.


Denver Broncos (8-6) logo broncos 03 x 16 logo patriotsNew England Patriots (12-2), Sports Authority Field at Mile High

Em um jogo cercado de rivalidade, o New England Patriots conseguiu superar o início lento do QB Tom Brady para conquistar uma importante vitória contra o Denver Broncos fora de casa. A partida marcou o primeiro encontro entre as duas equipes após a final da AFC na temporada passada, vencida pelo Broncos. Entretanto, o que se viu foi um jogo diferente daquele de janeiro. Com uma melhora na linha ofensiva e um bom apoio do jogo terrestre, o Patriots conseguiu neutralizar Denver. O primeiro quarto foi marcado por um FG convertido por cada um dos times, até que no segundo período o RB LeGarrette Blount anotou um TD decisivo. Na volta do intervalo, New England ainda contou com outros dois FGs para consolidar sua vitória e de quebra vencer a AFC Leste, além de ter o direito de folgar na primeira rodada dos playoffs.

Melhores da partida

Denver Broncoslogo broncos

DE Jared Crick: 7 tackles, 1 QB hit, 1 sack.

LB Shane Ray: 1 tackle, 1 QB hit, 1 sack.

WR Demaryius Thomas: 7 recepções, 91 jardas.

New England Patriotslogo patriots

RB LeGarrette Blount: 17 corridas, 31 jardas, 1 TD.

RB Dion Lewis: 18 corridas, 95 jardas.

DE Trey Flowers: 3 tackles, 2 QB hits, 2 sacks.


San Diego Chargers (5-9)SD16 x 19OAKOakland Raiders (11-3), Qualcomm Stadium

O duelo se manteve equilibrado do início ao fim com os dois quartrerbacks tendo desempenho muito parecido. O ataque terrestre do Raiders foi muito melhor que o do Chargers, enquanto as defesas também tiveram rendimento semelhante. O Raiders teve mais first downs e mais jardas totais, mas foi muito ineficiente em terceiras descidas (30%), o que explica o alto número de field goals chutados pela equipe. O Chargers foi melhor em termos de eficiência em terceiras descidas (53%), mas deixou a vitória escapar no último período com dois field goals do Raiders. Com isso, a equipe de Oakland garantiu a vaga na pós-temporada.

Melhores da partida

San Diego ChargesSD

QB Philip Rivers: 17/30, 206 jardas, 2 TD e 1 INT.

LB Melvin Ingram: 5 tackles, 1 assistência, 1 sack e 2 fumbles forçados.

WR Travis Benjamin: 2 recepções para 56 jardas e 1 TD.

Oakland RaidersOAK

QB Derek Carr: 19/30, 213 jardas, 1 TD e 1 INT.

K Sebastian Janikowski: 4/4 FG, 1/1 EP.

LB Bruce Irvin: 5 tackles, 1 assistência, 1 sack e 2 fumbles forçados.


Dallas Cowboys (12-2)DAL26 x 20TBTampa Bay Buccanneers, AT&T Stadium

O confronto foi bem equilibrado e foi decidido, apenas, na última posse, onde Jameis Winston foi interceptado por Scandrick a 35 segundos do fim. No geral, a defesa do Cowboys foi muito superior com quatro sacks, três interceptações e dois fumbles forçados, enquanto a do Bucs fez frente apenas no número de sacks (três). O diferencial na partida foram os turnovers. Winston fora interceptado três vezes, enquanto Prescott, nenhuma. O ataque terrestre do Cowboys foi muito mais eficiente que o do Bucs, com 185 jardas contra 52 do time de Tampa. Nenhuma estatística foi favorável ao time do Bucs, logo, era de se esperar que o placar também não o fosse.

Melhores da partida

Dallas CowboysDAL

QB Dak Prescott: 32/36, 279 jardas. 4 corridas para 20 jardas e 1 TD.

RB Ezekiel Elliott: 23 corridas para 159 jardas e 1 TD.

DT David Irving: 2 tackles solo e 2 sacks.

Tampa Bay BuccanneersTB

QB Jameis Winston: 17/35, 247 jardas, 2 TD e 3 INT.

TE Cameron Brate: 5 recepções para 73 jardas.

LB Kwon Alexander: 11 tackles solo, 10 assistências e 1 fumble forçado.


Buffalo Bills (7-7)BUF33 x 13CLECleveland Browns (0-14), New Era Field

O Bills não precisou de muito para derrotar, em casa, o pior time da NFL. Ao final do primeiro quarto já possuía uma vantagem considerável e não hesitou em aumentá-la no segundo. O Browns ameaçou uma reação no começo do terceiro quarto, mas não teve forças para levá-la adiante e o Bills só administrou o placar. O ataque do time da casa dominou a defesa do time de Cleveland, sendo um sack o único triunfo da mesma. O que chamou atenção no ataque do Bills foi o número de jogadores a correr com a bola (cinco sem contar a “ajoelhada” de EJ Manuel).

Melhores da partida

Buffalo BillsBUF

QB Tyrod Taylor: 17/24, 174 jardas e 1 TD. 7 corridas para 49 jardas.

RB LeSean McCoy: 19 corridas para 153 jardas e 2 TD.

TE Charles Clay: 7 recepções para 72 jardas e 1 TD.

Cleveland BrownsCLE

QB Robert Griffin III: 17/28, 196 jardas. 8 corridas para 48 jardas e 1 TD.

RB Duke Johnson Jr.: 5 corridas para 31 jardas. 5 recepções para 62 jardas.

P Britton Colquitt: 5 punts.

 


Seattle Seahawks (9-4-1) SEA 24 x 03 STL Los Angeles Rams (4-10), CenturyLink Field

Partida entre uma equipe que estava praticamente classificada para os playoffs e outra que estava fora. O primeiro quarto foi como vem sendo os jogos entre Seattle e Rams, sem pontuação e de muita defesa. Porém, no segundo quarto, o Seahawks finalmente conseguiu um TD com um passe de Russell Wilson para o TE Luke Wilson. A partir daí, a equipe da casa dominou completamente a partida. Antes do intervalo as equipes ainda trocaram FGs levando o jogo para o vestiário em 10 x 03. O duelo ainda continuou sendo dominado pelas defesas, sem muita pontuação e com as duas equipes tendo que batalhar por jardas. Wilson passou para mais um TD, dessa vez do WR Doug Baldwin. No início do último quarto, mais TD para o Seahawks. Passe de Wilson para o WR Tyler Lockett, matando completamente a partida, muito por conta do ataque muito fraco que o Los Angeles Rams tem. Jeff Fisher foi demitido, mas pouca coisa mudou em Los Angeles. Com esse resultado, o Seahawks garantiu a divisão e um mando de campo na pós-temporada, tudo que seus adversários não gostariam. Já o Rams está pensando na próxima temporada.

Melhores da partida:

Seattle SeahawksSEA

QB Russell Wilson: 19/26 229 jardas, 3 TDs e 1 INT.

WR Tyler Lockett: 7 recepções para 130 jardas e 1 TD.

DE Cliff Avril: 4 tackles, 1.5 sack e 1 fumble forçado.

Los Angeles RamsSTL

LB Alec Ogletree: 7 tackles e 1 INT.

DE William Hayes: 6 tackles e 1 sack.

DE Ethan Westbrooks: 3 tackles e 1 sack.


New York Jets (4-10) logo jets 13 x 34 MIA Miami Dolphins (9-5), MetLife Stadium

Partida isolada da rodada, no sábado. O Jets começou melhor, parecia que a equipe estava com uma motivação que não mostrou nas últimas semanas, principalmente a defesa. O alvo preferido do QB Bryce Petty, o WR Robby Anderson conseguiu marcar um TD recebido já no primeiro quarto, dando um pouco de esperanças para o torcedor de New York. No segundo quarto, o Dolphins acordou e daí em diante, Matt Moore, QB reserva da equipe, jogou muito bem. Passe para o TE Dion Sims e TD de Miam. No final do segundo quarto, outro passe para TD, dessa vez para o WR Kenny Stills, levando a partida para o intervalo com 13 x 10 para o Dolphins. A partir do terceiro quarto foi um domínio completo da equipe de Miami, Walt Aikens bloqueou um punt e levou para a end zone. Logo depois, mais uma vez, Dion Sims recebeu outro passe para TD. Ainda no terceiro quarto o WR Jarvis Landry entrou facilmente na end zone e o marcador já estava em 34 x 10. No último quarto o Jets ainda chutou um FG desnecessário para a distância que estava o placar entre as equipes. Miami continua na briga pela vaga de Wild Card, já o Jets pensa em uma boa posição no Draft do ano que vem.

Melhores da partida:

New York Jetslogo jets

WR Robby Anderson: 4 recepções para 80 jardas e 1 TD.

LB Jordan Jenkins: 5 tackles 1 sack.

DE Leonard Williams: 6 tackles.

Miami DolphinsMIA

QB Matt Moore: 12/18 236 jardas, 4 TDs e 1 INT.

CB Tony Lippet: 5 tackles e 2 INT.

TE Dion Sims: 4 recepções para 31 jardas e 2 TDs.


Baltimore Ravens (8-6) BAL 27 x 26 PHI Philadelphia Eagles (5-9), M&T Bank Stadium

Partida bem equilibrada desde o começo, apesar da boa diferença entre campanhas das equipes. O Ravens começou melhor, Carson Wentz sofria muita pressão e já lançou uma interceptação no primeiro drive, com Baltimore capitalizando em um passe de Joe Flacco para o WR Kamar Aiken. No segundo quarto o jogo continuava muito bom e bem equilibrado, Ryan Mathews correu para um TD e deixou o duelo com pontuação bem próxima. O Ravens conseguiu desgarrar um pouco em lindo passe de Flacco para o WR Steve Smith Sr. deixar o placar em 20 x 14 antes do intervalo. O terceiro quarto foi dominado pelas defesas, com os ataques não conseguindo pontuar em momento nenhum. No último quarto o RB Kenneth Dixon correu para a end zone, deixando uma boa diferença em favor de Baltimore, porém a partida ainda não estava decidida. O Eagles conseguiu uma interceptação na red zone nos minutos finais que deram fôlego a equipe. Wentz comandou uma bela campanha, que terminou com sua corrida para a end zone. Philadelphia tinha tudo para levar o jogo para a prorrogação, mas tentou vencer com uma conversão de dois pontos. A forte defesa de Baltimore não deixou e garantiu a vitória. O Ravens continua sua briga na divisão contra o Steelers, já o Eagles não tem mais nada para fazer na temporada.

Melhores da partida:

Baltimore RavensBAL

QB Joe Flacco: 16/30 206 jardas, 2 TDs e 1 INT.

LB C.J. Mosley: 13 tackles e 1 fumble forçado.

LB Elvis Dumervil: 4 tackles, 1 sack e 1 fumble forçado.

Philadelphia EaglesPHI

RB Ryan Mathews: 20 carregadas para 128 jardas e 1 TD.

LB Jordan Hicks: 5 tackles e 1 INT.

LB Nigel Bradham: 6 tackles, 1 sack e 1 fumble forçado.


Washington Redskins (7-6-1) WAS 15 x 26 logo panthers Carolina Panthers (6-8), FedExField

Confronto de uma equipe que luta pelos playoffs contra outra que decepcionou muito depois de ter chegado ao Super Bowl na temporada passada. O Panthers começou dominando a partida com um ótimo jogo corrido com o RB Jonathan Stewart e Cam Newton soltando o braço para os recebedores. A defesa lembrou um pouco do que foi o ano passado. Em um desses passes, Newton achou Ted Ginn livre na end zone e Carolina saiu do primeiro quarto em vantagem. O Panthers continuava dominando a partida, porém não conseguia converter em pontos. E em uma boa campanha do Redskins, o RB Robert Kelley correu para o TD e o jogo foi para o intervalo com 13 x 09 para o Panthers. Na volta dos vestiários, Carolina já começou com tudo e conseguiu um TD em uma corrida do FB Mike Tolbert, deixando a equipe com uma boa vantagem. Kirk Cousins não conseguia repetir as boas atuações da temporada, muito por conta do forte trabalho defensivo que conseguia Carolina. No restante da partida as equipes trocaram alguns FGs e o Redskins não conseguiu ameaçar a vantagem que o Panthers tinha colocado. Com a vitória, Carolina continua com uma pequena chance de ir aos playoffs, já Washington continua com mais chances, mas agora tem que torcer contra o Bucs para chegar pelo Wild Card.

Melhores da partida:

Washington RedskinsWAS

WR DeSean Jackson: 7 recepções para 111 jardas.

LB Mason Foster: 14 tackles.

DT Chris Baker: 5 tackles e 1 sack.

Carolina Pantherslogo panthers

QB Cam Newton: 21/37 300 jardas e 2 TDs.

RB Jonathan Stewart: 25 carregadas para 132 jardas.

S Kurt Coleman: 9 tackles e 1 INT.


 

Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook.

Postagens Relacionadas









Redação Liga dos 32 Este texto foi produzido em conjunto por dois ou mais membros da equipe Liga dos 32. Twitter: @LigaDos32 // Facebook: fb.com/ligados32 // Instagram.com/ligados32