Reggie Wayne defende o QB Andrew Luck

5 de outubro de 2016
Tags: colts, Notícias do Dia, paulo cesar,

reggie wayne

Com certeza uma das grandes decepções da última temporada para cá é o Indianapolis Colts. Após chegar ao AFC Championship Game na temporada de 2014, quando Luck liderou a NFL em passes para TD, o time contratou vários free agents como o WR Andre Johnson, RB Frank Gore e LB Trent Cole na expectativa de disputar o Super Bowl na última campanha, porém um desempenho atípico e uma temporada tribulada do QB da franquia levou o time ao recorde 8-8 na última temporada e, se analisadas as últimas 12 partidas de Luck como titular, o Colts está 3-9 (com direito a decepcionante campanha de 1-3 em 2016). Muito se diz que um dos responsáveis por isso é o próprio Luck, que costuma cometer alguns erros durante as partidas, mas na opinião do ex-WR Reggie Wayne, um dos maiores jogadores da história da franquia, os culpados são outros.

Wayne, que foi o principal recebedor de Luck em sua primeira temporada como profissional em 2012, foi perguntado sobre quais são os culpados do mal desempenho do time e foi enfático: “muitas pessoas procuram criticar Luck em vez de olhar de onde vem o principal problema disto tudo. Acredito que o grande problema são as decisões tomadas pela diretoria nos últimos tempos.” Wayne tem certa razão em afirmar isto, pois o GM Ryan Grigson, ao assumir o comando da equipe em 2012 herdou um time com a primeira escolha geral no Draft, na qual selecionou Luck, o melhor prospecto em 20 anos. Fora isso, Grigson conseguiu algumas boas adições em rounds inferiores do Draft, como encontrar o WR TY Hilton na terceira rodada do mesmo ano, porém é o mesmo GM que deu uma escolha de 1ª rodada para contratar o RB Trent Richardson e fez várias decisões questionáveis na free agency e no próprio Draft, principalmente no que diz respeito a jogadores recrutados na primeira rodada.

É inevitável afirmar que o time do Colts é limitado, e há pessoas que já afirmam que a falta de talento em torno do QB da franquia está levando a equipe a desperdiçar os melhores anos daquele tido outrora como o melhor QB jovem da NFL, que reescreveu os livros de recordes dos QBs que iniciam a carreira, seja em jardas aéreas e TDs ou viradas no quarto período, algo que Luck se especializou, principalmente em 2012 e 2013. Enquanto a defesa figurar entre as piores da NFL em praticamente todos os quesitos, não há muito o que Luck possa fazer, entretanto, as críticas vão cair sobre aquele que é o atleta mais bem pago da história da NFL, após monstruosa extensão contratual assinada antes do início da última temporada.

 Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook.

Postagens Relacionadas









Paulo César acompanha a NFL desde 2012, com o primeiro contato ocorrendo em 2010. Escreveu para o extinto “Colts Brasil” e HTE Sports. No site, escreve a coluna “Top 5”, às segundas, abordando listas com temas diversos semanalmente.