quarta-feira, 21 de Fevereiro de 2018

Compartilhe

A primeira coisa a se dizer é que a pergunta título deste texto é bem difícil de ser respondida. Em um universo em que um bom QB é uma verdadeira raridade, qual seria a cotação de um jogador que já teve performances dignas dos grandes de sua posição, venceu partidas de playoffs e conquistou o Super Bowl sendo eleito MVP? A resposta mais lógica seria que este jogador vale muito. No entanto, este mesmo jogador teve temporadas ruins, partidas péssimas, e cogitava se aposentar no início desta temporada. Hoje é dia de (tentar) avaliar a cotação atual de Nick Foles.

Uma das dificuldades de realizar esta análise é que o valor depende do ponto de vista do avaliador. Um grande empecilho para uma possível negociação é exatamente que Foles pode ter um valor muito diferente para o Eagles do que teria para um possível interessado. Sendo assim, é interessante tentarmos analisar pelos dois lados: o do Eagles, e também de uma equipe em busca de um QB.

LEIA MAIS: Eagles terá escolhas difíceis para se manter no topo

Começando com o Eagles, as primeiras informações indicam que a equipe não liberaria Foles a menos que houvesse uma proposta irrecusável. E, neste caso, quando nos referimos a irrecusável, estamos falando de algo realmente impressionante. Segundo Peter King, ao menos duas escolhas de 1ª rodada seriam necessárias para o Eagles negociar o QB. Partindo do princípio que uma proposta neste nível seria aceita de imediato, mas também considerando que ela, muito provavelmente, não acontecerá, teria o Eagles interesse em trocar Foles por um valor inferior? Aqui temos argumentos favoráveis e contrários a troca.

A favor da negociação, podemos levar em consideração que o Eagles tem sérios problemas de Salary Cap para o ano que vem. Sobre este tema, o texto destacado acima trata de forma bem detalhada. O ponto é que uma troca de Foles economizaria um valor considerável em sua folha de pagamento. Além disso, a equipe de Philadelphia tem a 32ª escolha na 1ª rodada do draft 2018, porém, após esta seleção, o Eagles só volta ao relógio na 4ª rodada do recrutamento. Considerando que outros cortes serão necessários para se ajustar ao limite do salary cap, acumular mais escolhas no draft seria ótimo para repor as perdas que serão inevitáveis.

Por outro lado, um ponto que pesa contra a troca é o próprio desempenho de Foles. Algo comum na NFL é uma equipe promissora ter sua temporada completamente arruinada quando seu QB sofre uma lesão. A importância de ter Nick Foles como um “seguro” para Carson Wentz nem precisa ser mencionada, pois vimos tudo que aconteceu na última temporada. Falando ainda no próprio Wentz, não podemos deixar de mencionar que o titular da posição está em recuperação de uma grave lesão e ainda não se sabe quando estará pronto para jogar. E, além disto, temos os fatores que vão além do campo. Foles conquistou o Super Bowl com o Eagles e se tornou ídolo em Philadelphia, não é tão simples, até pela paixão da torcida, trocar um jogador como este.

LEIA MAIS: TOP 5 – Melhores jogadas do Super Bowl LII

Dito isto, nos resta analisar pela ótica de uma equipe que precisa de um QB; e é neste ponto que os problemas para uma possível negociação se agravam. Como dito no início deste texto, é muito provável que o valor de Foles seja muito maior para o Eagles do que para qualquer outro time. Pensando como um possível time interessado no jogador, não vale a pena pagar um valor exorbitante em um atleta sem qualquer garantia de que este será o QB de sua franquia por muitos anos. Talvez fosse válido investir uma, ou até duas escolhas em Foles, no entanto, essas picks não seriam de 1ª rodada. Algo plausível seria um investimento que não criasse um risco muito grande para o futuro da franquia em questão. Uma equipe que poderia estar interessada seria o Browns, que possui muitas escolhas e teria munição suficiente para isto, porém Cleveland está em uma posição privilegiada para selecionar um ótimo prospecto no draft. Além disso, o histórico de Foles fora de Philadelphia não encoraja muitas equipes.

Com esta discrepância entre o que se pede, e o que o mercado deve estar disposto a pagar, existe uma boa possibilidade que Foles continue em Philadelphia. Pelo lado do Eagles, não é interessante negociar o QB por um valor mediano que não iria “resolver seus problemas”, além de tirar a tranquilidade da equipe caso Wentz não volte no início da temporada ou sofra uma nova lesão. De forma semelhante, também não é interessante para uma franquia investir tão alto em um jogador como Foles.

Outro lado interessante desta história é o do próprio Nick Foles. Sabemos que o jogador tem contrato, e sua vontade (falando apenas da parte legal) não tem peso em uma possível negociação. Entretanto, Foles conseguiu um feito épico ao vencer o Super Bowl LII. Ele provou para todos – incluindo para si mesmo – que tem condições de jogar na NFL. Algo que pode mudar os rumos desta história seria o desejo (caso ele exista) do jogador de buscar outra equipe em que tenha a real possibilidade de ser titular. No momento atual, um pedido de Nick Foles, obviamente dentro de um cenário razoável, seria considerado de uma forma diferente após tudo que o QB realizou.

Respondendo a pergunta título deste texto, acredito que Foles tenha hoje o valor de uma escolha de 2ª rodada. No entanto, fora algum fato novo, este “preço” parece estar muito aquém do desejado pelo Eagles. Por mais que o mercado de QBs sempre nos traga surpresas, não parece provável que alguma equipe esteja disposta a pagar algo próximo do que o Eagles aceitaria.

Para finalizar, compartilho este mesmo questionamento com vocês. Caso estivessem na posição de GM na NFL, investiriam em Nick Foles? Qual o valor máximo que pagariam para contar com o MVP do último Super Bowl?


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

7 Comentários

  1. Não é questão de querer ou não manter o Foles, o problema é que o time está quase 10 milhões acima do teto, e você não pode pagar 7,6 milhões para um reserva de luxo nessa situação. Eu acho que o time corta o Jason Peters depois de 1 de junho para economizar 7 milhões e trocam o Foles depois de 1 junho para economizar 7 milhões também. E acho que eles conseguem, no máximo, uma escolha de segunda rodada no Foles. Foram anos jogando muito mal para receber uma bolada pelo Foles.

  2. Claro, corta o maior ídolo em atividade no time e o cara mais respeitado no vestiario e o QB que a cidade já adorava antes mesmo de levar o primeiro SB para a Philadelphia.
    Faz isso e a torcida põe fogo no estádio kkkkkkkkk

  3. O 49rs se desfez do Montana e ficou com o Young, o Packers se desfez do Favre e ficou com o Rodgers, o Colts se desfez do Manning e ficou com o Luck, caras que eram MUITO mais ídolos nos seus times que o Foles nos Eagles. O Patriots não se desfez do Brady mas trocou o Garoppolo, e muita gente criticou isso. O Eagles tem uma das piores situações de cap dos últimos anos. NFL é isso, ídolos são cortados por causa do teto salarial.

  4. É uma situação que tem realmente vários lados que tentei abordar no texto. Se a informação de Peter King realmente se confirmar, eu acho muito difícil que alguém pague 2 escolhas de 1˚ rodada nele.
    A questão do cap pesa bastante, mas acho que a chance de corte é quase nula. Ou trocam ou ele continua no Eagles.

  5. Mas é justamente isso que comentei Diego, acho que o time corta o Jason Peters (salário caro, voltando de lesão complicada e o time se virou muito bem sem ele) e troca o Foles, mas ninguém vai pagar 2 escolhas de 1˚ rodada nele, nem os Browns. Ainda mais com o próximo Draft recheado de talentos na posição. A minha intuição é que se eles receberem oferta de segunda rodada aceitam na hora, lembrando que o time está só com uma escolha nas 3 primeiras rodadas do draft.

  6. Sim. Sobre as escolhas também citei no texto. O que pode pesar contra a troca é a saúde do Wentz, como anda sua recuperação etc….

  7. Então, o que eu quis dizer é que o Foles ganhou o direito de escolher o futuro dele. Se ele quiser ser titular em outro time ele vai ser trocado e ganhar um bom contrato, mas se ele quiser ficar em Philly com uma situação mais confortável (Filha recém nascida, único lugar que ele realmente jogou bem e é adorado) ele vai ganhar uma extensão e diluir o Cap deste ano.
    E com relação ao Peters, isso nunca irá acontecer kkkkkkk
    Ele não está nem entre os 15 OT mas bem pagos da liga essa temporada e ele estava jogando em um Nivel All Pro antes de machucar, então o custo beneficio esta muito alto (Alem de que, o dinheiro salvo é muito pouco pela perda da qualidade técnica).

    Sobre as escolhas, 2 escolhas de primeira rodada realmente é inviavel, mas não podemos esquecer que o GM do Eagles é o Howie Hoseman, o cara é um maniaco nas trocas (Conseguiu 1º Round pelo Bradford por exemplo), então o que eu acho possível é um troca com o Bills por exemplo, uma troca de posições na primeira e uma de 2 ou 3 rodada.

Leave A Reply