sexta-feira, 26 de Janeiro de 2018

Compartilhe

As finais de conferência foram disputadas e vencidas por New England Patriots e Philadelphia Eagles, que disputarão o jogo mais importante e mais aguardado pelos fãs da NFL em toda a temporada. Porém, antes do Super Bowl, vamos ter o jogo de festa da liga, o Pro Bowl. O Pro Bowl de 2018 será disputado no dia 28 de janeiro, no Orlando’s Camping World Stadium, às 18:00. Como já é tradicional no Pro Bowl, as equipes terão lendas da NFL como capitães no dia da partida, que serão Derrick Brooks (11 vezes no Pro Bowl), Warrick Dunn (3 vezes no Pro Bowl), Jason Taylor (6 vezes no Pro Bowl) e LaDainian Tomlinson (5 vezes no Pro Bowl). Tomlinson (ataque) e Taylor (defesa) liderarão a AFC, enquanto Dunn (ataque) e Brooks (defesa) ficarão pela NFC. Como também aconteceu na temporada passada, o Pro Bowl contará com outros eventos, tipo um desafio de habilidades com jogadores da AFC e da NFC. Esse desafio de habilidades aconteceu ontem, no dia 25 de janeiro, porém a ESPN só transmitirá no sábado, dia 27, às 20:05 (Horário de Brasília). Os desafios serão:

  • Epic Pro Bowl Dodgeball: Dodgeball é o famoso jogo de “queimada” como conhecemos aqui no Brasil. As estrelas da NFL envolvidas prometem duelos bem mais épicos do que aqueles das suas aulas de educação física.
  • Kick Tac Toe: Esse é um desafio que vai testar a precisão dos kickers de ambas as conferências, tentando acertar em um alvo de 3×3.
  • Gridiron Gauntlet: Cinco jogadores de cada equipe participarão de uma corrida para mostrar força, velocidade e agilidade. Entre outras surpresas, o desafio incluirá uma corrida de 40 jardas com um paraquedas inflado.
  • Best Hands: Um QB e um WR de cada equipe duelarão para ver quem consegue acertar mais passes em um determinado tempo.
  • Precision Passing: Uma batalha de precisão contando com dois membros de cada equipe, que precisarão acertar a bola em alvos de tamanhos e distâncias diferentes.
  • Drone Drop: Esse desafio é que um jogador terá que agarrar a bola de um drone de alturas gigantescas acima do campo. O jogador que fizer a recepção mais alta ganha dinheiro para a instituição de caridade de sua escolha.

Os times do Pro Bowl são formados por 44 jogadores, sendo 21 ofensivos, 18 defensivos, além de 5 do Special Team, incluindo um Long Snapper. Mike Tomlin e sua comissão técnica comandarão a equipe da AFC, já o técnico Sean Payton e sua comissão estarão no comando do time da NFC. Dez jogadores das duas equipes que disputarão o Super Bowl LII, o New England Patriots e o Philadelphia Eagles, foram selecionados para a lista original do Pro Bowl. De acordo com os termos do Acordo de Negociação Coletiva, cada jogador da equipe vencedora do evento recebe $ 64.000, já cada jogador da equipe perdedora ganha $ 32.000.

É uma partida que não é muito valorizada por jogadores, técnicos e fãs, por ser no final de temporada, por não ter muita competitividade e pelo medo de uma lesão grave. Porém, com a volta do Desafio de Habilidades, pela primeira vez na história em Orlando, todos os ingressos foram vendidos, o que deixou a liga animada para esse segundo ano em um novo formato, com o desafio de habilidades. Os jogadores não valorizam tanto, o medo de se machucar é grande e por ser uma partida sem muito interesse, a chance de se machucar pode ser bem grande. Porém, para nós, amantes desse jogo espetacular e por ser uma temporada curta em relação aos outros esportes, qualquer partida é boa para assistir.

Número de jogadores selecionados por equipe:

AFC

10 (Pittsburgh Steelers)

6 (Jacksonville Jaguars, Los Angeles Chargers e Tennessee Titans)

5 (Oakland Raiders)

4 (New England Patriots e Kansas City Chiefs)

3 (Baltimore Ravens, Buffalo Bills e Cincinnati Bengals)

2 (Denver Broncos, Houston Texans, Indianapolis Colts e Miami Dolphins)

1 (Cleveland Browns)

0 (New York Jets)

NFC

8 (Los Angeles Rams)

7 (Seattle Seahawks, Minnesota Vikings e New Orleans Saints)

6 (Philadelphia Eagles)

5 (Dallas Cowboys)

4 (Arizona Cardinals, Carolina Panthers e Atlanta Falcons)

3 (Washington Redskins)

2 (Green Bay Packers, Detroit Lions, San Francisco 49ers e Tampa Bay Buccaneers)

1 (New York Giants)

0 (Chicago Bears)

Nota: Jogadores entre parênteses são os substitutos dos que foram originalmente selecionados.

AFC

Ataque

QB – Tom Brady (Derek Carr), Ben Roethlisberger e Philip Rivers (Alex Smith)

RB – Le’Veon Bell, Kareem Hunt e LeSean McCoy

FB – James Develin

WR – Antonio Brown, DeAndre Hopkins (Jarvis Landry), A.J. Green (T.Y. Hilton) e Keenan Allen

TE – Travis Kelce (Delanie Walker) e Rob Gronkowski (Jack Doyle)

OT – Taylor Lewan, Alejandro Villanueva e Donald Penn (Russell Okung)

OG – David DeCastro, Kelechi Osemele e Richie Incognito

C – Maurkice Pouncey e Rodney Hudson

Defesa

DE – Calais Campbell (Yannick Ngakoue), Joey Bosa (Melvin Ingram), Khalil Mack (Cameron Heyward)

DT – Geno Atkins, Jurrell Casey e Malik Jackson

OLB – Von Miller, Jadeveon Clowney (Telvin Smith) e Terrell Suggs

ILB – C.J. Mosley e Ryan Shazier (Joe Schobert)

CB – Jalen Ramsey, A.J. Bouye, Aqib Talib e Casey Hayward

FS – Eric Weddle

SS – Reshad Jones e Micah Hyde (Kevin Byard)

Special Team

P – Brett Kern

K – Chris Boswell

PR – Tyreek Hill

ST – Matthew Slater (Brynden Tawick)

LS – Clark Harris

NFC

Ataque

QB Carson Wentz (Jared Goff), Russell Wilson e Drew Brees

RB – Todd Gurley, Mark Ingram e Alvin Kamara

FB – Kyle Juszczyk

WR – Julio Jones (Davante Adams), Adam Thielen, Larry Fitzgerald (Doug Baldwin) e Michael Thomas

TE – Zach Ertz (Jason Witten) e Jimmy Graham (Kyle Rudolph)

OT – Trent Williams (Andrew Whitworth), Tyron Smith (Joe Staley) e Lane Johnson (Duane Brown)

OG – Zack Martin (Trai Turner), Brandon Brooks (Larry Warford) e Brandon Scherff (T.J. Lang)

C – Alex Mack e Travis Frederick

Defesa

DE – DeMarcus Lawrence, Everson Griffen (Michael Bennett) e Cameron Jordan

DT – Fletcher Cox (Linval Joseph), Aaron Donald (Mike Daniels) e Gerald McCoy

OLB – Chandler Jones, Ryan Kerrigan e Anthony Barr (Thomas Davis Sr.)

ILB – Luke Kuechly (Deion Jones) e Bobby Wagner (Kwon Alexander)

CB – Patrick Peterson, Xavier Rhodes, Marshon Lattimore e Darius Slay

FS – Earl Thomas

SS – Landon Collins (Harrison Smith) e Malcolm Jenkins (Keanu Neal)

Special Team

P – Johnny Hekker

K – Greg Zuerlein (Graham Cano)

PT – Pharoh Cooper

ST – Budda Baker

LS – Jake McQuaide

Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe