quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Compartilhe

rose2015

A costa leste dos EUA está apreensiva com a aproximação do furacão Matthew, que atingiu o sul do Haiti (na América Central) na última noite com ventos de mais de 230 km/h, o que caracteriza como um fenômeno natural de nível 4 na escala de Saffir-Simpson, cujo máximo é 5. Segundo os meteorologistas, o centro do furacão está a mais de 1100 km da cidade de Miami, na Florida, onde o Dolphins receberá o Titans no domingo pela quinta semana da temporada regular, porém há a expectativa que o furacão atinja a cidade já na quinta-feira a noite.

O Dolphins fará uma reunião com o Tennessee Titans e alguns representantes da NFL para avaliar a possibilidade de realocar a partida para outro estádio, mesmo que num primeiro momento exista a incerteza quanto ao quão afetada será a cidade pelo fenômeno que se aproxima. O CEO do time, Tom Garfinkel, declarou: “ainda há muita incerteza sobre o que acontecerá nos próximos dias, porém faremos uma reunião para avaliar todas as possibilidades nesta altura. Queremos estar preparados para qualquer situação.” Vale ressaltar que o Hard Rock Stadium, casa do Dolphins, possui estrutura para funcionar mesmo com um furacão de nível 4, porém caso os arredores do estádio ou mesmo a cidade de Miami em geral sofra com enchentes, estragos em estradas e mesmo que precise deslocar um grande contingente de pessoas para prestar resgate, ficará inviável realizar um jogo da NFL no domingo, com todas as exigências que uma partida deste nível naturalmente exige.

O HC do Titans Mike Mularkey foi perguntado sobre o assunto e declarou ter ouvido boatos de uma possível mudança de local da partida para Nashville, na casa do time, o que tecnicamente lhes daria um jogo a mais em casa na temporada regular. “Estamos apreensivos e observando a aproximação do furacão Matthew nos últimos dias. Deverão haver alguns problemas com o tempo lá na Florida e há a chance do jogo ser transferido para cá (Tennessee). Há algumas discussões por conta disso, porém nada está definido.”

A NFL é relutante para mudar a localização de uma partida de temporada regular, principalmente porque cada time tem apenas oito jogos em seus domínios durante toda a temporada, e tirar um destes jogos do Dolphins, e repassá-lo a um rival é algo que geraria algumas críticas para a imagem da Liga. Caso a passagem do furacão exija uma mudança de local, é provável que a NFL encontre um campo neutro para a realização do embate no próximo domingo, numa forma de amenizar qualquer tipo de conflito. Vale lembrar que em 2014, graças a uma severa nevasca que atingiu a região de Nova Iorque, uma partida do Monday Night Football entre Bills e Jets foi movida para o Ford Field, em Michigan (casa do Detroit Lions), mesmo com o mando de campo sendo do time de Buffalo, então, espera-se que a NFL encontre uma solução do tipo.

Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook.

Compartilhe

Comments are closed.