É preciso ter calma com Mitchell Trubisky

28 de agosto de 2017
Tags: bears, david telles, Notícias do Dia,

Depois de duas boas atuações na pré-temporada, o hype em cima do QB calouro Mitchell Trubisky chegou à estratosfera. Muitos inclusive já apontavam que o atleta deveria ser nomeado o quarterback titular para a temporada regular. Entretanto, o jogo do último domingo, contra o Tennessee Titans, mostrou é bom ter calma com a jovem promessa.

LEIA MAIS: Atuações de destaque na NFC Norte na rodada de abertura da pré-temporada

O Chicago Bears saiu vitorioso da partida por 19 x 07 e os torcedores puderam ver um bom desempenho do QB Mike Glennon, que conduziu bem o ataque, no qual incluiu um drive que o time percorreu 96 jardas até anotar o TD, sendo finalizado com um bom passe para o TE Dion Sims. Já Trubisky enfrentou certas dificuldades atuando com a primeira unidade de Chicago, melhorando sua performance quando passou a jogar com os reservas, quando inclusive lançou um belo passe de 45 jardas para o WR Tanner Gentry, com quem tem mostrado um bom entrosamento tanto nos treinos quanto em jogos, anotar o touchdown que deu números finais ao marcador.

LEIA MAIS: Destaques da NFC Norte em mais uma semana da pré-temporada

Por se tratar de uma 2ª escolha geral de um Draft (e sendo o 1º QB a ser selecionado no recrutamento) a expectativa em torno de Trubisky é enorme. Torcedores e analistas estão ávidos para ver a “nova cara” da organização liderar o time, que há tanto tempo está relegado ao segundo escalão da liga e busca recuperar seus tempos de glória. O técnico John Fox chegou a ser duramente criticado por afirmar que não há nenhum tipo de briga pelo posto de QB titular e que Mike Glennon será o nome que irá liderar o setor ofensivo da equipe em 2017.

O treinador colocou bem o seu ponto de vista em uma entrevista coletiva: “Eu não trabalho com hipóteses. Neste momento, Mike Glennon é o titular e vai começar o terceiro jogo da pré-temporada, o que é um bom indicador de quem vai começar jogando quando as partidas forem a vera.”

Como já falamos anteriormente, essa temporada de calouro deve ser de aprendizado para Trubisky. Jogá-lo de imediato entre os titulares pode fazer com que o novato queime etapas em seu amadurecimento e acabe atrapalhando o seu desenvolvimento. Aqui não se discute o talento do atleta, uma vez que já mostrou sua habilidade no tempo que esteve em campo, com um bom braço, precisão e movimentação eficiente saindo do pocket para executar seus passes, e sim sua pouca experiência. Vale lembrar que o produto de North Carolina só atuou por um ano como titular no College e ainda necessita aprimorar suas leituras, algo que o tempo com certeza irá lhe proporcionar.

Um ponto que também merece ser destacado nessa discussão é a dura sequência inicial de jogos que o Bears enfrentará em 2017. O time começa sua caminhada enfrentando o atual vice-campeão da NFL Atlanta Falcons, antes de bater de frente com Tampa Bay Buccaneers, Pittsburgh Steelers e Green Bay Packers, todos times fortes e que estão bem cotados para chegar aos playoffs. Caso Trubisky seja titular nessas partidas e não atue bem, o que seria de certa forma até normal, a pressão será grande não só no atleta, mas na franquia como um todo, criando um ambiente ruim. Certamente o Chicago Bears quer evitar esse tipo de dor de cabeça nesse difícil processo de reconstrução em que se encontra.

O mais prudente aqui será deixar Trubisky se familiarizar ainda mais com o estilo de jogo da liga, sem apressar sua entrada no time, que deve ocorrer de forma natural. É necessário entender que é improvável que Chicago consiga brigar por vaga na pós-temporada este ano, então a prioridade passa a ser preparar o elenco para o futuro. Mike Glennon pode ser um condutor seguro do ataque, que não deve brilhar, mas com a proteção da competente da OL e com as corridas de Jordan Howard, pode fazer com que o Bears apresente um bom desempenho ofensivo e assim preservar Mitchell Trubisky nesse primeiro momento.


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Postagens Relacionadas









David Telles é o setorista da NFC NORTE. Analisa Packers, Bears, Lions e Vikings às segundas e sextas aqui no site. No projeto setoristas, falamos dos 32 times a cada duas semanas! Siga-o no Twitter para acompanhar mais da cobertura dessa divisão e debater sobre as matérias: @DavidRTelles