Destaques da NFC Norte em mais uma semana da pré-temporada

21 de agosto de 2017
Tags: bears, david telles, lions, Notícias do Dia, packers, vikings,

Os times da NFC Norte estiveram em campo pela Semana 2 da pré-temporada no último final de semana e deram mais um passo rumo à temporada regular. Confira quem se destacou por Packers, Bears, Lions e Vikings nessas partidas:

LEIA MAIS: Atuações de destaque na NFC Norte na rodada de abertura da pré-temporada

Chicago Bears

O hype em cima do QB calouro Mitchell Trubisky continua. Atuando praticamente só no último quarto na vitória do Bears sobre o Arizona Cardinals por 24 x 23, o novato sofreu com sua linha ofensiva no início, mas ainda assim conseguiu liderar o ataque da equipe que culminou na campanha da decisiva para a vitória da equipe, totalizando 6 passes completos em 8 tentados para 60 jardas e 1 TD, com rating de 135,4. A imprensa americana já faz forte campanha o produto de North Carolina seja titular na Semana 1 da temporada, já que novamente teve um desempenho superior ao de seu concorrente Mike Glennon. Outro jogador do setor ofensivo que teve bom desempenho foi o RB Tarik Cohen, que parece estar se consolidando como o reserva direto de Jordan Howard. Sua capacidade de escapar dos tackles tem se sobressaído até aqui e no jogo de sábado conseguiu 77 jardas terrestres em 11 carregadas.

Defensivamente, o torcedor de Chicago pode ver novamente uma boa atuação do DL Jonathan Bullard, que conseguiu boas pressões no QB adversário pelo interior da linha defensiva. Quem também se destacou no pass rush foi o OLB Roy Robertson-Harris, que registrou 2 sacks e que pode brigar para estar no elenco final de 53 jogadores para a temporada.

A principal jogada na partida, no entanto, foi do WR Deonte Thompson, que retornou uma tentativa errada de FG para anotar um impressionante TD de 109 jardas. Contrastando com a bela jogada, Mike Glennon foi inconstante (passou para apenas 89 jardas) e acabou sendo interceptado numa leitura errada já na red zone, enquanto que o K Roberto Aguayo, cortado recentemente pelo Bucs pelo seu fraco desempenho nos FGs, errou sua primeira tentativa de chute no Bears.

Detroit Lions

O Lions conquistou outra vitória na pré-temporada no último sábado ao anotar 16 x 06 pra cima do New York Jets. O QB Matthew Stafford esteve bem enquanto comandou o ataque, com 8 passes completos em 10 tentativas e 1 TD. Touchdown este que foi anotado por Marvin Jones, que precisa mostrar serviço após ter tido uma grande queda de produção no fim do ano passado. Como ponto negativo do ataque, novamente o jogo corrido enfrentou dificuldades, com Zach Zenner, Matt Asiata e Dwayne Washington não tendo grandes apresentações. O único que teve uma produção razoável aqui foi o titular e grande esperança para o setor Ameer Abdullah, com média de 4 jardas por carregada. Joe Dahl atuando como OG também deixou a desejar e sofreu contra a forte linha defensiva do Jets, mostrando que ainda precisa ser lapidado para poder voltar a atuar por ali.

Defensivamente, o LB calouro Jarrad Davis começou a partida anotando um belo tackle para perda de jardas no RB adversário. Mas o grande nome aqui foi o DT Akeem Spence, que em suas duas primeiras jogadas anotou um sack e um tackle para perda de jardas. No geral, o atleta demonstrou grande explosão física e já com o titular Haloti Ngata envelhecido, pode contribuir bastante na rotação da DL em 2017. Também podemos mencionar aqui outro bom desempenho dos CBs, em especial D.J. Hayden, que tem se destacando tanto como nickel CB quanto atuando pelos lados do campo, e do novato Jamal Agnew, que registrou 7 tackles e 1 passe defendido.

Green Bay Packers

Em uma aparição surpresa do QB Aaron Rodgers, o Green Bay Packers superou o Washington Redskins fora de casa por 21 x 17. Rodgers liderou o time em uma campanha que resultou em um TD anotado pelo TE Martellus Bennett, numa jogada que deve se repetir bastante na temporada regular, e todo o setor ofensivo titular pareceu afiado. A disputa entres os WRs considerados reservas teve mais um capítulo neste jogo, com destaque para Jeff Janis (recepcionou 3 das 4 bolas lançadas na sua direção). Outro ponto alto do ataque foi o bom desempenho dos QBs reservas, com Brett Hundley indo bem nos passes (9 lançamentos completos em 10 tentativas para 107 jardas e 1 TD) e o calouro não draftado Taysom Hill mostrando habilidades com as penas e anotou um TD de 23 jardas correndo com a bola.

Defensivamente, o time melhorou sua performance nos tackles, algo que foi um problema na semana 1 da pré-temporada. A unidade principal se sobressaiu perante o ataque do Redskins, com destaque para os DLs Kenny Clark e Kyle Lowry, que foram os principais responsáveis por limitar o jogo terrestre dos donos casa a 10 jardas em 11 carregadas no 1o tempo. Na segunda unidade, o DT Christian Ringo foi novamente bem no pass rush, conseguindo 1 QB hit e pressionando bem o QB adversário. A secundária viu outra performance sólida do S Marwin Evans, que tem sido um playmaker nessa secundária (foram apenas 9 jardas cedidas em 2 bolas lançadas na sua direção e 3 run stops). Outro que se apresentou bem foi o CB Josh Hawkins com 7 tackles e 3 passes defendidos.

Como ponto negativo, fica a fraca apresentação do OL Jason Spriggs e a pouca contribuição das peças de reposição na poisção de OLB, com Kyle Fackrell e Reggie Gilbert deixando a desejar.

Minnesota Vikings

O Vikings acabou sendo derrotado na semana 2 da pré-temporada por 20 x 13 em partida contra o Seattle Seahawks, fora de casa. O ponto alto foi o desempenho ofensivo do time, que apresentou uma clara melhora. A linha ofensiva se portou melhor do que no jogo anterior, com o OT Mike Remmers dando a volta por cima aqui e com o center calouro Pat Elflein sendo sólido. O QB Sam Bradford arriscou passes mais longos e mostrando que o jogo aéreo será mais vertical em 2017. Pelo chão, o torcedor viu outra grande atuação do RB novato Dalvin Cook, que teve 7 carregadas para 40 jardas, porém o que mais impressionou foi a capacidade do recebedor de evitar tackles, fazendo com seus marcadores errassem 3 investidas e mostrando que pode ser muito produtivo sem ter que depender dos bloqueios da OL.

Complementando o setor ofensivo, o WR Stefon Diggs mostrou porque é o WR 1 de Minnesota. Contra a forte defesa contra o passe do Sehawks, o jogador recepcionou 4 passes em 5 bolas direcionadas na sua direção em cima de 3 marcadores diferentes, além de registrar 15 jardas após a recepção. O TE Bucky Hodges foi bem quando envolvido no jogo aéreo, com duas recepções para 54 jardas e anotando o TD do Vikings na partida.

Defensivamente, o DT calouro Jaleel Johnson teve excelente atuação, principalmente contra o jogo terrestre, com 5 run stops em 15 snaps contra a corrida, aonde registrou 2 tackles para perda de jardas. Danielle Hunter mostrou novamente que será um dos principais pass rushers do jogo nesta temporada ao anotar outro sack e 1 QB hit. O DE Tashawn Bower foi outro nome sólido no pass rush, com 1 sack e 1 QB hit. Na secundária, o S Jayron Kearse se destacou contra a corrida e conseguiu defender 2 passes.

Negativamente, podemos ressaltar o início lento da defesa do time, que resultou num TD anotado por Seattle e a condução ruim do relógio por parte do ataque.


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Postagens Relacionadas









David Telles é o setorista da NFC NORTE. Analisa Packers, Bears, Lions e Vikings às segundas e sextas aqui no site. No projeto setoristas, falamos dos 32 times a cada duas semanas! Siga-o no Twitter para acompanhar mais da cobertura dessa divisão e debater sobre as matérias: @DavidRTelles