segunda-feira, 24 de julho de 2017

Compartilhe

A-liga-explica-L321

É no Training Camp que os times começam a tomar forma para a temporada: 90 jogadores disputam 53 vagas em cada equipe. É um momento que algumas das frases mais repetidas na história dos esportes são relembradas: “Esse time está muito mais preparado do que há um ano”, ou então: “Nunca vi um grupo tão fechado como esse”, tem também a clássica: “Nosso vestiário tem total confiança no ________ (insira qualquer quarterback inexperiente de sua escolha) para liderar nossa equipe às conquistas”. Frases que não querem dizer absolutamente nada antes da bola começar a voar de fato, mas quem somos nós para dizer que eles estão mentindo? Nessa época do ano todo mundo é candidato ao próximo Vince Lombardi.

Mas o que é exatamente o Training Camp para além dessa fonte de clichês e esperanças? É isso que veremos agora.

LEIA MAIS: Como funciona a pré-temporada da NFL?

O NÚMERO 53

53 é o número que não sai da cabeça dos atletas, técnicos e dirigentes. Os times podem carregar 90 atletas durante o Training Camp e, logo após o quarto – e último – jogo da pré-temporada, os times poderão manter apenas 53 jogadores. Mesmo sabendo da dificuldade em se fazer parte de um elenco, esses cortes podem ser bem duros para os jovens atletas disputando vagas. Muitas vezes esses jogadores apenas recebem uma ligação comunicando que não estão mais nos planos dos times.

A COMPETIÇÃO

temp2015_TC_Practice_08052015_24--nfl_mezz_1280_1024Considerando que pelo menos 37 destes 90 jogadores estarão desempregados no início de setembro, podemos ver o quanto está em jogo nessa época do ano. Muitos destes atletas nunca disputarão uma partida de temporada regular, e às vezes nem é porque eles foram mal nos treinamentos. Jogadores que foram escolhidos cedo no Draft têm mais chances de entrar no time mesmo que não mostrem muita coisa nos treinos.  Nenhum manager está disposto a admitir que errou na escolha de determinado jogador, sem ao menos dar alguns anos para o jovem se desenvolver.

Outro fator que limita as chances de muitos atletas é a quantidade de vagas que o time tem disponível para cada posição. Os times geralmente levam 5 ou 6 recebedores para a temporada regular e 5 ou 6 corners, mas esse time pode ter apenas 2 boas opções para wide receiver, e 8 boas opções para cornerback. Com isso precisará cortar jogadores que tiveram um melhor desempenho, em detrimento de outros que não foram tão bem.

O fator salarial também entra muito em consideração nessa época do ano. Para a temporada de 2016, os 51 maiores salários de cada elenco não podem passar de US$ 155,27 Milhões. Isso faz com que o salário de cada jogador seja tão relevante na decisão final quanto o desempenho deles. Se um jogador que está ganhando US$ 4 Milhões ao ano não for significativamente melhor que outro ganhando US$1 Milhão, o que ganha mais corre grandes riscos de ser cortado, mesmo sendo o melhor atleta.

LEIA TAMBÉM: A Pré-Temporada da NFL é realmente necessária?

DURAÇÃO

As equipes começam seu Training Camp entre o fim de julho e o início de agosto, e este dura cerca de 4 semanas. Os primeiros jogos de pré-temporada ocorrem simultaneamente às atividades do training camp. Já na última semana de pré-temporada, os times que realizam suas atividades em outras cidades retornam às suas instalações e começam a se preparar para a rotina de viagens, treinamentos e jogos da temporada regular.

PRECAUÇÕES

Bates_Jr._defensive_back_drills_during_Raiders_training_campPor se tratar de uma época do ano em que faz muito calor nos EUA, há uma série de precauções com a saúde dos atletas, especialmente depois que Korey Stringer, ex-jogador do Vikings, faleceu em 2001 em consequência de um ataque cardíaco e desidratação. Hoje em dia o médico do clube precisa estar presente em todos os treinamentos, assim como uma ambulância precisa estar a disposição ao lado do gramado.

Para evitar lesões, os treinos com contato são bem limitados e muitos veteranos são poupados da rotina completa nessa época do ano, se focando apenas no condicionamento físico e na absorção do playbook.

Uma lesão nessa época do ano pode significar uma chance a menos de sucesso para os jogadores não consolidados. Com pouco tempo de treino e muita gente competindo, os times não podem se dar ao luxo de esperar a recuperação de jogadores que teriam poucas chances de sobreviver ao corte final. Até porque esses jogadores consomem os recursos do time, incluindo o tempo da equipe médica.

MUITO APRENDIZADO EM POUCO TEMPO

A NFL é uma das ligas onde os times passam menos tempo junto ao longo do ano, com o time se apresentando em agosto e saindo de férias – no máximo – em fevereiro. Os veteranos e os novos jogadores têm pouco mais de um mês para se conhecer, entrar em forma, se entrosar e ter todo o plano de jogo pronto para a estreia da temporada. As oportunidades de treino com contato e usando todo o equipamento de proteção são ainda menores – justamente os treinos que fazem mais diferença no preparo para situações de jogo.

Para os calouros a experiência do primeiro Training Camp pode ser bem intensa e complexa, não só pela rotina de treinamentos ser diferente do nível universitário, mas também por ter que aprender uma série de termos e conceitos do novo esquema que muitas vezes não eram utilizados em seu programa na faculdade. Jogadores chegando a um novo clube, ou que estejam com um novo técnico, também passam por uma curva de aprendizado muito maior.

Mas esse período do ano também é essencial para os veteranos. Pesquisas comprovam que jogadores que perdem o Training Camp têm mais chances de se lesionar ao longo da temporada e na maioria das vezes têm temporadas tecnicamente inferiores aos anos em que participam de todas as rotinas de treinos.AP BILLS CAMP FOOTBALL S FBN USA NY

De qualquer forma é um momento excelente para todos nós fãs da NFL, e aqui na Liga dos 32 estaremos cobrindo o Training Camp de todas as equipes. É quando percebemos que a temporada está realmente de volta e podemos começar a nos alimentar de sonhos e acreditar em qualquer mentira que os treinadores nos contam, tipo aquela: “Esse ano vamos encarar um jogo por vez, mas nosso objetivo é o Super Bowl e temos totais condições de ganhar o grande jogo”.

 

Compartilhe

Comments are closed.